Esportes

Belo faz jogo mais importante da história para evitar rebaixamento

A 18ª e última rodada da fase classificatória do Campeonato Brasileiro da série C acontece neste sábado (09) e promete muitas emoções pela indefinição que apresenta, tanto na parte de cima como na parte de baixo da tabela. Para o Botafogo-PB trata-se de um dos jogos mais importantes da sua história, já que durante competições a equipe paraibana nunca foi rebaixada até o momento.


Ocupando a vice-lanterna do grupo A com apenas 18 pontos em 17 jogos disputados, o Belo entra em campo hoje precisando vencer o Sampaio Corrêa-MA, e ainda torcer por um tropeço do Moto Club-MA diante do Fortaleza-CE, para não descer à série D do Brasileirão.


Botafogo e Moto Club lutam para não ser o segundo clube do grupo a cair de série, já que o ASA-AL já está rebaixado.


Se por um lado o retrospecto negativo nas últimas 10 partidas é ruim para o time da Maravilha do Contorno, o fato do Fortaleza, adversário do seu concorrente direto Moto Club, precisar vencer para garantir a classificação, aumenta as esperanças nas hostes botafoguenses, mas para isso o Belo precisa fazer a sua parte, fato que não tem acontecido nos últimos jogos.


O Time


Com a demissão de Itamar Shulle e a passagem rápida e não exitosa de Ademir Fonseca, coube ao “Ex-Atleta e Prata da Casa” Ramiro Souza, a difícil missão de evitar o primeiro rebaixamento do Tricolor da Maravilha do Contorno.


Para isso Ramiro aposta em motivar os atletas que tem à sua disposição, já que alguns são desfalques no jogo deste sábado.


Michel Alves e Roger Gaúcho, que foram barrados no jogo diante do ASA, foram reintegrados ao elenco, treinaram durante a semana e devem estar à disposição para o jogo. O provável time a ser escalado por Ramiro Souza deve ser: Edson, Lito, Plínio, Bruno Maia e Carlos Renato; Djavan, Sapé, Patrick Mota e Marcinho; Dico e Rafael Oliveira.


Sampaio Corrêa e Botafogo entram em campo às 19h30 no estádio Castelão, em São Luiz. Paulo Henrique Schleich Vollkopf será o árbitro central e seus auxiliares serão Leandro dos Santos Ruberdo e Cicero Alessandro, todos do Mato Grosso do Sul.